Área Restrita

Notícias do Site:

CLIC :---------->   Ofertas da Semana!      @ Ultimas Noticias     
00:00:00

09/02 - Prefeitura de TB confirma que haverá concurso « voltar


Data: 09/02/2017
Local:


O concurso público da prefeitura de Tubarão será realizado ainda este ano. A garantia é do vice-prefeito e secretário de Gestão, Caio Tokarski. No entanto, ainda não há previsão de quando será o certame. 

Segundo Caio, o concurso público – que na gestão anterior foi suspenso por decisão judicial – será realizado pelo governo municipal, principalmente para a área de educação. “Ainda não temos como prever datas, mas a intenção é realizar ainda este ano, provavelmente no segundo semestre”, ressalta.

Quem se inscreveu no certame anterior vai poder pedir o ressarcimento do valor. “Aqueles que ainda não solicitaram a devolução do valor da inscrição na gestão anterior vão poder fazer agora. Até porque, com o novo concurso, as inscrições terão que ser feitas novamente”, explica Caio. 

De acordo com o secretário, não há como manter os inscritos do certame anterior. “O concurso será feito por uma outra empresa, com outras regras, novo edital. Logo, não tem como manter as inscrições do certame anterior. Por isso, será feita a devolução do dinheiro e as inscrições deverão ser realizadas novamente.”

A prefeitura, diz Caio, ainda não tem condições operacionais para definir a nova data, já que ajustes são realizados em diversos setores. “Estamos em fase de migração de servidores, acertos de vale-alimentação, entre outros. Não seria prudente fazer o certame neste momento, com a prefeitura repleta de tarefas. Porém, a decisão foi tomada por nossa gestão e vai ter o concurso”, garante.

A prefeitura, diz Caio, deve divulgar nos próximos dias a forma como a devolução do dinheiro – de quem ainda não solicitou porque iria manter a inscrição – será feita. “Uma reunião com a comissão do concurso deve ser realizada semana que vem para definir a forma de devolução.”


Entenda

O primeiro edital do concurso foi lançado no meio do ano passado e cancelado por recomendação do Ministério Público, em função de irregularidades no edital e problemas com o Instituto O Barriga Verde (IOBV). Em seguida, a prefeitura reformulou o processo, com outra empresa, a Legalle Concursos. Os cargos e o quadro de vagas sofreram alterações, para atender ao pedido do MP. Segundo a gestão anterior, 1.107 candidatos, dos 4.794 inscritos no primeiro edital, optaram por cancelar as inscrições.

DS