Área Restrita

Notícias do Site:

CLIC :---------->   Ofertas da Semana!      @ Ultimas Noticias     
00:00:00

23/02 -- Dois principais suspeitos de assaltos na região são presos « voltar


Data: 23/02/2017
Local:


Considerados criminosos de alta periculosidade e listados pela polícia como alvo número um de uma série de outras prisões que devem ocorrer, dois jovens, de 27 e 18 anos, foram presos na madrugada de ontem. A dupla é acusada de pelo menos três roubos: no Mercado Nunes, em Tubarão, e na lotérica Ponto da Sorte, também na Cidade Azul, além de uma lotérica em Capivari de Baixo.

A prisão, de acordo com o delegado da Divisão de Combate a Furtos e Roubos (DCFR) de Tubarão, André Monteiro Crisóstomo, aconteceu durante uma operação em conjunto com a Divisão de Investigação Criminal (DIC), que cumpria mandado de busca e apreensão, bem como de prisão. A dupla presa estava em uma casa na Costa da Lagoa.

“Sabendo que um dos envolvidos, o jovem de 18 anos, tem um histórico de confronto com a polícia, montamos a operação e os surpreendemos enquanto eles dormiam. Na casa, encontramos dentro de uma mochila um revólver de calibre 38 com numeração raspada, 11 munições e 169 comprimidos de ecstasy”, conta o delegado. 

André destaca que ambos têm passagens pela polícia. “O mais novo tem histórico de confronto com a polícia durante um assalto a uma loja às margens da BR-101, em Tubarão. Já esteve internado no Casep, cometeu homicídio e tem envolvimento com o tráfico. Ele é de Tubarão. Já o segundo, de 27, é do Rio Grande do Sul, mora em Tubarão e tem passagem por tráfico de drogas e roubo”, diz o delegado. Ambos foram encaminhados para o Presídio Regional. 

Sobre os valores levados nos crimes, o delegado conta que um carro foi comprado com o dinheiro roubado. “O veículo foi apreendido. O restante, afirmaram que gastaram com drogas e festas. Um deles confessou os crimes”, revela o delegado.


Investigação de crimes prossegue

Mesmo com a prisão dos dois, que era prioridade entre as prisões que ainda vão acontecer, o delegado destaca que as investigações dos roubos que têm acontecido na região continuam. “Estão todos na mira. Muitos as vítimas já reconheceram, inclusive”, detalha o delegado da DCFR. 

Ainda sobre a dupla, André acrescenta que os jovens em todos os crimes utilizaram as mesmas roupas e a motocicleta. “Finalizamos o inquérito e pedimos pela prisão preventiva de ambos. Seguimos no encalço dos demais suspeitos de crimes que foram registrados recentemente”, diz André.

DS