Área Restrita

Notícias do Site:

CLIC :---------->   Ofertas da Semana!      @ Ultimas Noticias     
00:00:00

Família pode ser despejada em Orleans « voltar


Data: 17/04/2017
Local:


Pais de dois bebês, um com 16 dias e outro de 2 anos, os jovens Daniel Monteiro dos Santos, 24 anos, e Rafaela Justi Coelho, 18, de Orleans, passam por uma grande adversidade desde o início do mês. O motivo, conforme Daniel, é que sua família deverá sair da casa onde reside até junho.
Conforme ele, a casa possui apenas 15 metros quadrados, um cômodo, sem janela e banheiro. A moradia fica na comunidade de Brusque do Sul, no interior de Orleans. “Esta casa foi construída com o meu esforço. Um antigo chefe do meu pai doou para ele em consideração de anos de serviço, porém, recentemente, ele teve um desentendimento com os meus familiares e disse que tomaria as terras novamente. Como pôde nos presentear e depois fazer isso conosco? Temos que esperar o pequeno crescer um pouco para poder sair”, lamenta.
Daniel atua como trabalhador de serviços gerais e a sua esposa é do lar. “Se realmente esse despejo vir a ocorrer será a nossa segunda experiência traumática. Quando o nosso filho mais velho tinha um pouco mais de 2 meses, essa situação também nos acometeu. Não queremos passar por isso de novo”, recorda.
Por enquanto, eles continuarão na casa por mais alguns dias, de acordo com o jovem pai, a expectativa é que tudo volte à normalidade. “Além de não conseguir dormir direito devido a esse problema, há algumas situações mais urgentes como a garantia dos alimentos da minha família, em especial das crianças. O tempo está mudando e eles precisarão de agasalhos, fraldas e o berço para o mais novo”, pede.
Familiares de Daniel também moram no terreno de seu antigo patrão e deverão, assim como o prestador de serviços braçais sair do local o quanto antes. “Ele nos falou que tem poder de mandar os meus familiares embora quando quiser, pois tem dinheiro e pode comprar tudo e a todos. Infelizmente, nossa vida não tem sido fácil”, constata. Quem quiser ajudar pode ligar para (48) 99816-1393 (Daniel).

Foto: Daniel Librelato Massuco/Jornal Hoje de Orleans/Divulgação/Notisul